sábado, 19 de junho de 2010

Marcelo Rudanna di Shaday para jcnorte
mostrar detalhes 20/05/09


Oi, tudo bem com você? Eu do fundo do meu coração, espero e desejo
que sim! Hoje eu vou falar para vocês sobre a Santa que nos protege,
que é Santa Sara Kali. Nós ciganos somos místicos por essência e
trazemos a latente na alma a religiosidade e o amor pelas divindades
e, dentro de nosso mundo espiritual, mantemos nosso equilíbrio e
harmonia cultuando a grande Kali.Hoje, mais do que nunca, devido à
nossa cultura ter entrado em quase todos os países, os não ciganos
passaram a conhecer e venerar o culto a Santa Sara. Nos dias 24 e 25
de maio, ciganos de todo o mundo comemoram o dia de Santa Sara, nossa
padroeira. Confesso que tínhamos um pouco de ciúmes de Santa Sara, e
não abríamos o culto aos gadjes( não ciganos) e ainda pouco falamos
sobre nossos costumes. Mas a adoração de Santa Sara já se tornou
comum entre os espíritas e umbandistas em geral, assim como entre
milhares de católicos, apesar de Santa Sara não ter passado pelos
processos de canonização do Vaticano. E hoje, após séculos de
perseguições e preconceitos, de acusações desfavoráveis à nossa
conduta, de medos e de histórias difamadoras de nosso povo, graças à
Deus somos dotados de total liberdade para falarmos à imprensa sobre
alguns de nossos costumes( mas nem todos) e adorações. No Brasil somos
devotos de Santa Sara, Nossa Senhora de Aparecida e da Virgem de
Fátima. Existem descendentes que optaram para uma vida diferenciada de
nossos costumes, mas esse assunto ficará para uma próxima ocasião,
pois hoje quero homenagear a Nossa Padroeira, Santa Sara Kali! Existem
diversas lendas a respeito da origem de Santa Sara.
Algumas falam que ela seria serva e parteira de Maria, e que Jesus a
teria em alta estima por te-lo trazido ao mundo. Outras, que era serva
de Maria Madalena. Seu centro de culto é a cidade de Saintes-Maries de
la Mer, na França, onde ela teria chegado junto com Maria
Jacobina,irmã de Maria, mãe de Jesus, Maria Salomé, mãe dos apóstolos
Tiago e João, Maria Madalena, Marta, Lázaro e Maximinio. Eles teriam
sido jogados no mar em um barco sem remos nem provisões, e Sara teria
rezado e prometido que se chegassem a salvo em algum lugar ela
passaria o resto de seus dias com a cabeça coberta por um lenço. Eles
depois disso chegaram a Saintes-Maries, onde algumas lendas dizem,
foram amparadas por um grupo de ciganos.
A imagem de Santa Sara fica na cripta da igreja de Saint Michel, onde
estariam depositados seus ossos.O epíteto Kali significa "negra",
porque sua tez é escura. Seu culto se liga ao culto das Madonas
Negras.Fontes variam: se sua canonização consta de 1712, ou se é uma
santa regional. Sua festa é celebrada nos dias 24 e 25 de maio,
reunindo ciganos de todo o mundo.Sua imagem é coberta de lenços, sendo
ela uma protetora da maternidade. Mulheres (romi) que não conseguem
engravidar e mulheres que pedem por um bom parto, ao terem seus
pedidos atendidos, depositam aos seus pés um lenço (diklô). Centenas
de lenços se acumulam aos seus pés.
As pessoas fazem todo tipo de pedido para Santa Sara, por sua fama de
atender todos os que depositam verdadeira fé nela. É também protetora
dos clarevidentes, aqueles que usam de boa fé para ajudar as pessoas,
e dos que praticam a caridade.
E aqui eu deixo mais uma vez os meus sinceros agradecimentos de
devoção e amor à Santa Sara Kali, que tem feito muitos milagres em
minha vida! Que seu poderoso manto possa cobrir à todos aqueles que
depositarem fé em ti!

Nenhum comentário:

Postar um comentário